Em dezembro de 1979, dava-se inicio a ocupação da Vila Santo Operário. Sendo então fundada a Associação dos Moradores da Vila Santo Operário, ao mesmo tempo sendo eleito a 1º diretoria e criada seus departamentos, sendo um deles um clube de Mães. As mulheres reunidas sentirão a necessidade de um local para deixar seus filhos e assim poder trabalhar.               
 
Foi decidido que a solução seria uma creche comunitária para as mães, e assim poderem deixar seus filhos, neste momento era mais um desafio a enfrentar. Como construir uma creche? Foi criada uma comissão de mães e membros da diretoria para ir conversar com o Prefeito atual da época, para que o mesmo fornecesse materiais para que fosse construído uma creche. Nesta conversa o Prefeito respondeu que por ser uma área de invasão e irregular o Poder Público estava impedido de fazer qualquer benfeitoria nesta área, em uma nova audiência com o Executivo foi oferecido madeiras usadas de um colégio que estava sendo demolido. A comunidade então fez um "mutirão" para que as madeiras chegassem até o local da construção, todos foram solidários, homens, mulheres e adolescentes ajudaram a levantar o prédio de quatro paredes sem divisórias.
 
Em Abril de 1981 foi aberta a Creche Vó Maria, sendo um departamento da Associação dos Moradores da Vila Santo Operário, iniciando com 18 crianças e funcionários voluntários. Começando assim uma nova etapa: Manter a creche, assim começaram as doações de alimentos e utensílios. Logo após foi criado um Convenio com a  L.B.A, surgiu então a necessidade de que a creche Vó Maria ter personalidade Jurídica para se fazer convênios e dar recibos para os doadores, foi então Chamada uma nova Assembléia e assim criado em novo estatuto com o nome de Associação Beneficente Educadora Vó Maria, que ficou sendo mantenedora da creche Vó Maria.
 
No ano de 2000 deixou de ser creche e passou a ser Escola de Educação Infantil Vó Maria para se adequar a nova legislação, lei de diretrizes de bases. Na data atual atendemos 400 crianças nas faixas etárias de 02 a 12 anos diárias. Toda Quinta-feira é distribuído 150 refeições a pessoas de vulnerabilidade social e econômica da comunidade.
 
 
   
José Mauro dos Santos
PRESIDENTE
João Carneiro Fontoura Paulo Roberto Santos Cruz
Darci Rodrigue de Aquino
VICE-PRESIDENTE
Sedenir Martins Geneci da Silva Fontoura
Janaina Bueno de Oliveira
1° SECRETÁRIA
Valquiria João Lanning Maria Pereira da Silva
Erasmo Carlos Cruz Selau
2° SECRETÁRIO
Iara Crivelaro Jardim Luiz José da Silva
Glades Medianeira Santos
1° TESOUREIRA
Terezinha Natalina da Cruz Marlene Lemes Pais
Ciane Medianeira Santos
2° TESOUREIRA